Connect with us

Internacional

Presidente do Brasil é eleito ‘Corrupto do Ano’ por consórcio internacional

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o líder das Filipinas, Rodrigo Duterte, também já venceram a premiação.

Após um 2020 conturbado por conta da pandemia do novo coronavírus, o presidente Jair Bolsonaro foi eleito a “Personalidade do Ano” por seu suposto papel na promoção do crime organizado e da corrupção pelo Organized Crime and Corruption Reporting Project (OCCRP), um consórcio internacional que reúne jornalistas investigativos e centros de mídia independente. 

“Eleito após o escândalo da Lava Jato como candidato anticorrupção, Bolsonaro se cercou de figuras corruptas, usou propaganda para promover sua agenda populista, minou o sistema de justiça e travou uma guerra destrutiva contra a região da Amazônia que enriqueceu alguns dos piores proprietários de terras do país”, afirma o OCCRP. 

De acordo com o relatório, divulgado no final de dezembro de 2020, o presidente do Brasil teria levado o posto “por pouco”, ficando a frente de outros dois líderes mundiais que teriam sido cogitados pela entidade:  o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o líder turco, Recep Tayyp Erdogan. Segundo a entidade, ambos teriam causado “grandes danos aos seus países, regiões e ao mundo”. 

A organização ainda defende, através do texto que publicaram após o anúncio, que os políticos citados “lucraram com a propaganda, minaram as instituições democráticas em seus países, politizaram seus sistemas de justiça, rejeitaram acordos multilaterais, recompensaram círculos internos corruptos e moveram seus países da lei e da ordem democráticas para a autocracia”. 

O consórcio de imprensa ainda ressalta a denúncia que pesa contra o senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente, em relação as “rachadinhas” na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), quando ele ainda era deputado estadual. 

Outro ponto citado ao longo da nota oficial divulgada pela entidade foram as investigações contra o vereador Carlos Bolsonaro, também filho do presidente, por um suposto esquema de repartição de salários de assessores. A publicação ainda ressalta a verba depositada por Fabrício Queiroz na conta da primeira-dama, Michele Bolsonaro; e as denúncias contra o próprio presidente do Brasil. 

O editor do OCCRP, Drew Sullivan, e os outros jurados ainda ressaltaram as diversas acusações que rondam a família Bolsonaro: “A família de Bolsonaro e seu círculo íntimo parecem estar envolvidos em uma conspiração criminosa em andamento e têm sido regularmente acusados de roubar do povo.” disse Sullivan. 

“Essa é a definição de livro de uma gangue do crime organizado”. A publicação ainda relembra a prisão de Marcello Crivella, prefeito afastado do Rio de Janeiro, por liderar uma facção criminosa, o nomeando como “amigo e aliado” de Bolsonaro. 

O consórcio ainda salienta que as ações do presidente do Brasil não afetam apenas o Brasil, ressaltando que ele “abriu grandes extensões da Amazônia para a exploração por aqueles que já haviam se beneficiado da destruição da região crítica e ameaçada”. 

“A destruição contínua da Amazônia está ocorrendo por causa de escolhas políticas corruptas feitas por Bolsonaro. Ele encorajou e alimentou os incêndios devastadores”, afirmou o jurado Rawan Damen, diretor do Arab Reporters for Investigative Journalism. 

Para ele, “Bolsonaro fez campanha com o compromisso explícito de explorar – ou seja, destruir – a Amazônia, que é vital para o meio ambiente global”. 

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o líder das Filipinas, Rodrigo Duterte, também já venceram a premiação.

Por: Beatriz Bergamin

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

Advertisement

Últimas

Portugal6 segundos ago

Governo avança com Avaliação Ambiental Estratégica de três soluções

O Governo vai avançar com a realização de um processo de Avaliação Ambiental Estratégica a três soluções para reforço da...

Portugal15 minutos ago

Portugal não pode esquecer o que aconteceu no trágico mês de janeiro

O primeiro-ministro fez hoje um veemente apelo à manutenção da disciplina individual para a contenção da covid-19, dizendo que Portugal...

Saúde30 minutos ago

Vacinação dos cerca de 15 mil bombeiros concluída

Os cerca de 15 mil bombeiros voluntários, sapadores e municipais indicados como prioritários para a primeira fase de vacinação contra...

Sociedade1 hora ago

ANAC indefere pedido de apreciação prévia de viabilidade da construção do aeroporto no Montijo

A Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) não vai fazer apreciação prévia de viabilidade para efeitos de construção do Aeroporto...

Agricultura2 horas ago

Fenareg quer reforço do financiamento em regadio

A Federação Nacional dos Regantes (Fenareg) defendeu hoje que a verba destinada à agricultura e regadio, no âmbito do Programa...

Portugal2 horas ago

Governo aprova 30 projetos de segurança em barragens com 1,2 ME de apoio

O Governo homologou hoje 30 candidaturas que têm em vista a elaboração de projetos e estudos ligados à melhoria das...

Saúde2 horas ago

Hospital Santa Maria tratou cerca de 2.500 doentes infetados

Cerca de 2.500 doentes com covid-19 foram tratados neste último ano Hospital Santa Maria, dos quais 450 nos cuidados intensivos,...

Saúde3 horas ago

Portugal com 38 mortes e 691 casos de infeção nas últimas 24 horas

Portugal registou hoje 38 mortes relacionadas com a covid-19 e 691 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo...

Economia3 horas ago

BdP disponibiliza atendimento presencial em várias capitais de distrito mediante agendamento prévio

O Banco de Portugal (BdP) alargou o agendamento ‘online’ que já estava disponível em Lisboa e no Porto a outros...

Economia6 horas ago

Portugal exporta mais de mil milhões de euros em medicamentos por ano

O presidente da empresa farmacêutica Bluepharma, sediada em Coimbra, salientou hoje o crescimento do setor nos últimos 20 anos em...

Sociedade7 horas ago

Detida mulher que pertencia a rede de tráfico droga gerida a partir de cadeia no Porto

Uma mulher de 30 anos que pertencia a uma rede de tráfico de droga que operava a partir de um...

Política7 horas ago

Marcelo elogia SNS, setores social e privado e espera melhor planeamento

O Presidente da República considerou hoje que o SNS e os setores social e privado se organizaram de “forma meritória”...

+ popular

%d bloggers like this: