Connect with us

Portugal

Politécnico de Portalegre preparado para atribuir grau de doutor

Mais um passo para Universidades Politécnicas serem uma realidade

Politécnico de Portalegre preparado para atribuir grau de doutor

Foi aprovada no Parlamento a possibilidade de os Politécnicos outorgarem o grau de doutor e de ser alterada a designação dos mesmos para Universidades Politécnicas. Tal deve-se à aprovação da iniciativa legislativa de cidadãos “Valorização do Ensino Politécnico nacional e internacionalmente” e de dois projetos de lei apresentados pelo BE e PCP.

Para o presidente do Politécnico de Portalegre, Prof. Luís Loures, a mudança pontual do enquadramento legal vigente tem como grande objetivo “a valorização do sistema nacional de Ensino Superior, como um todo”.

“Com orgulho e sentido de responsabilidade”, é desta forma que o dirigente vê esta aprovação, a qual representa “o reconhecimento, por unanimidade, da Assembleia da República, do trabalho que tem sido desenvolvido pelos Politécnicos, nos últimos 40 anos, não só como motores fundamentais do desenvolvimento regional, mas também como motores de coesão territorial e de desenvolvimento do país (nacional e internacionalmente)”.

O dirigente entende que deverá ser dada continuidade ao sistema binário, fazendo jus à missão das instituições de ensino superior. Com maior capacidade para melhorar as qualificações dos cidadãos, o compromisso será ministrar “doutoramentos que se pretendem mais aplicados, de interface, efetuados em associação com a indústria, muito baseados no que é a missão dos Politécnicos (o saber-fazer; a melhoria técnica e científica da capacidade instalada)”.

Antevendo a alteração do enquadramento legal, o presidente do Politécnico de Portalegre anuncia que a instituição a que preside tem vindo a trabalhar, quer no estabelecimento de protocolos para doutoramentos internacionais, nomeadamente com Brasil e Cabo Verde, quer na elaboração de propostas de doutoramento em parceria com a Universidade de Évora já aprovadas, no âmbito do PRR.

No que respeita à alteração da designação para Universidades Politécnicas, o Prof. Luís Loures considera ser um passo fundamental para o reforço do sistema de ensino superior nacional, contribuindo para fortalecer a sua projeção nacional e internacionalmente.

Continue Reading

Portugal

Recluso agarra enfermeira e agride guarda em hospital

Esta terça-feira, um recluso tentou agredir uma enfermeira e acabou mesmo por agredir um guarda prisional no hospital prisional de Caxias.

Segundo o avançado por fonte do Sindicato Nacional Corpo Guarda Prisional ao Notícias ao Minuto, a enfermeira foi agarrada violentamente pelo recluso, o guarda foi agredido ao tentar travar o ataque.
Após ter sido “esmurrado” na face foi assistido no Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa.

Continue Reading

Portugal

Idosa recusa-se a levantar dinheiro da reforma e é agredida pelo neto

Na passada quarta-feira, um homem de 43 anos, foi deito pelo Comando Metropolitano de Lisboa da Polícia de Segurança Pública (PSP) por ter agredido a avó, de 92 anos, em Marvila.

A idosa foi agredida “em várias partes do corpo”, por se ter recusado a levantar o dinheiro da reforma, que recebia no dia 10 de cada mês”.

“O suspeito, partilha residência com a vítima e, sabendo que a idosa recebe a reforma no dia 10 de cada mês, coagiu a mesma a ir ao Multibanco para levantar o dinheiro”, segundo o avançado no comunicado da PSP.

De momento o detido está desempregado e adotou “um estilo de vida intimamente relacionado com o álcool e drogas”. 

Os militares da PSP “procederam a diligências que levaram à detenção do agressor através de Mandado de Detenção Fora de Flagrante Delito por Autoridade de Polícia Criminal”.

A vítima foi retirada da sua residência e encontra-se num lugar seguro. O agressor foi presente a 1.º interrogatório judicial e está proibido de entrar em contacto com a vítima, sendo também forçado a abandonar a residência que partilhava com a avó.

Continue Reading

Portugal

Alandroal : Três detidos em flagrante por furto de metais não preciosos

O Comando Territorial de Évora, através do Posto Territorial de Alandroal, no dia 13 de agosto, deteve três homens de 26, 31 e 49 anos por furto de metais não preciosos, no concelho de Alandroal.

Numa ação de patrulhamento e vigilância na obra da ferrovia, os militares da Guarda detetaram uma viatura a efetuar a carga materiais de construção, tendo os suspeitos sido abordados e detidos em flagrante.

No decorrer desta ação policial, foi possível apreender o seguinte material:

·  Cerca de 1 600 quilos de ferro moldado;

·  Um veículo;

·   Diversos objetos utilizados na prática do furto.

Os suspeitos foram constituídos arguidos e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Redondo.

Continue Reading

Portugal

Buscas por desaparecido em Montargil abrangem 30 mil metros quadrados

As buscas por desaparecido na barragem de Montargil, no concelho de Ponte de Sor, cobrem uma área de 30 mil metros quadrados, segundo avançado à lusa por fonte dos bombeiros.

Simão Velez, Comandante da corporação de Bombeiros Voluntários de Ponte de Sor, em declarações à agência Lusa, explicou que , desde o início da operação de buscas, no sábado à tarde, e segunda-feira ao final do dia, os mergulhadores já tinham abrangido a área subaquática de 25 mil metros quadrados.

A operação de buscas foi retomada hoje, a partir das 07h00 por terra, integrando, mais tarde, os mergulhadores de diversas corporações de bombeiros do distrito.

De momento, no local encontram-se 28 operacionais, apoiados por duas embarcações e uma mota de água, segundo fonte dos bombeiros.

O alerta para o desaparecimento foi dados às 15:06. A filha do homem que se encontra desaparecido, uma menina de 5 anos, ainda foi resgatada com vida por populares, contudo acabou por morrer durante o percurso para o hospital.

De acordo com fonte da GNR e relatos de pessoas que se encontravam no local, pai e filha estariam a utilizar um barco de borracha na albufeira.

“O senhor estava na água, a nadar, e a menina estaria no barco. As testemunhas não se aperceberam do que é que aconteceu a seguir”, relatou a fonte.

Portugal registou, até ao fim do mês passado, 88 mortes em meio aquático, um recorde dos últimos cinco anos, segundo o avançado pela Federação Portuguesa de Nadadores-Salvadores (FEPONS).

Continue Reading

Ultimas do Alentejo

Publicidade

Siga-nos no Facebook

Os Mais Vistos

ÚLTIMAS 48 HORAS