Connect with us

Artigos de opinião

Opinião de Isidro Santos: Mais do mesmo

Estou a ficar Fã das transmissões “online” das reuniões públicas do executivo de Portalegre.
“Infelizmente”, os debates dos assuntos trazidos à reunião de hoje, 07/04/2021 não corresponderam às minhas expectativas, esperava mais “sangue”. Sangue na guelra naturalmente. Estavam todos muito xoxos.
Esta falta de sangue é devida, com certeza, à falta de oxigénio da água salobra em que os membros do executivo camarário se movem.
Mais do mesmo, praticamente o único assunto trazido a debate antes da ordem do dia, foi uma vez mais, o tal suplemento remuneratório de penosidade e insalubridade. Desde janeiro que o executivo anda a discutir a atribuição deste suplemento. Na última reunião, foram postas a votações duas propostas, uma apresentada pela Sra presidente, Adelaide Teixeira e outra apresentada pelo Sr vereador da CDU, Luís Pargana. Foi aprovada a proposta apresentada pela Sra presidente. Pelo que me foi dado ouvir e de certa forma ver por alguns documentos apresentados, haviam dúvidas e continuam a haver quanto à legalidade do pagamento de retroactivos com efeitos a 01/01/2021 deste suplemento. Na minha modesta opinião, e é a opinião de um simples munícipe, se havia dúvida quanto à legalidade da proposta apresentada pela CDU, esta nem devia ter sido posta a votação. Mas o Sr vereador parece não querer perder e volta à carga.
Ninguém gosta de perder mesmo que o jogo seja a feijões e aqui os feijões como é perceptível perceber são os votos que se avizinham. Todos os feijões contam nem que apareçam “feijões de duas caras”.
Todos os Sr vereadores, presidente de câmara incluída, dizem que aceitam e concordam com o pagamento de retroactivos desde 01/01/2021 desde que seja legal. Apresentam propostas contrárias a esta intenção de vontade ou legalidade, eternizam a dúvida mas mantêm a discussão. Fico perplexo, não são todos feijões de duas caras?
Uma vez mais, tenho de tirar o meu chapéu, que não uso, ao Sr vereador Correia da Luz, foi o único que me pareceu feijão branco, modo de dizer, feijão de uma cara.
Deixou claro que as suas tomadas de posição, são individuais, são suas, e que o responsabilizam a ele e não a um partido.
Deixou claro que a Sra presidente de câmara devia tomar uma posição definitiva quanto a esta matéria e não eternizar a discussão.
Espero que na próxima reunião, seja trazido pela última vez este assunto, com certezas de qual o procedimento e decisão que sejam aceitáveis legalmente.
Outro assunto, mais do mesmo, é o pagamento/isenção das esplanadas.
O Sr vereador Luís Pargana tem trazido a debate o facto de haver operadores hoteleiros a pagar as esplanadas em espaços destinados a estacionamento concessionados a uma empresa privada. Este assunto vem-se arrastando em reuniões de câmara. A Sra presidente, sempre diz, que já pediu aos serviços esclarecimento sobre o assunto.
Mas que porra! Digo eu que sou alentejano. Não é já tempo dos dorminhocos dos alentejanos, que trabalham nos serviços da câmara já terem acordado. Dormirem um pouco a sesta até dizem que faz bem, mas que raio, o calor ainda não chegou. ACOOOEDEM! e respondam à Sr presidente. Claro, porque a culpa é dos funcionários que não há meio de acordarem e darem a resposta que a Sra presidente há muito tempo já pediu.
Será que a Sra presidente também ainda não acordou da sesta e ainda não reparou que não tinha a resposta solicitada. Mas que chefe(a) é este(a) que dorme mais que os funcionários.
Para terminar por hoje, parece que “andem” esta é propositada, todos a dormir a sesta há pelo menos quatro anos.
ACOOORDEM! Srs vereadores, já se faz tarde. Portalegre tem muitos mais problemas importantes que urge que se resolvam.
Isidro Santos

Continue Reading
Advertisement

Siga-nos no Facebook

Arquivo

+ popular

%d bloggers like this: