Connect with us

Gastronomia

Covid-19: Restaurantes do Minho exigem encerramento do restaurante da Assembleia da República

A União de Restaurantes do Minho interpôs hoje uma providência cautelar para exigir o encerramento do restaurante da Assembleia da República, enquanto estabelecimentos similares “estiverem impedidos de abrir” como medida de combate à covid-19.

O representante da associação Tiago Carvalho disse à Lusa que a referida providência cautelar, entrada no Tribunal Administrativo de Lisboa, visa a Assembleia da República e a Nordigal – Indústria de Transformação alimentar, S.A., empresa que explora o restaurante autorizado a funcionar para “responder, durante o mês de janeiro, às necessidades, em particular, de deputados que, estando deslocados, têm dificuldade em encontrar soluções para jantar”.

O decreto do Governo que regulamenta o novo estado de emergência devido à pandemia de covid-19 entrou em vigor às 00:00 do dia 15 e decorre até 30 de janeiro e prevê o encerramento do comércio e restauração, sendo que esta pode, no entanto, funcionar em regime de ‘take-away’ ou entregas ao domicílio.

“Entendemos que os excelentíssimos senhores deputados não são nem mais nem menos que todos os outros trabalhadores que procuram um restaurante para satisfazer exatamente as mesmas necessidades”, afirmou Tiago Carvalho.

“Por isso, e por uma questão de justiça e equidade, se os restantes trabalhadores têm que encontrar outras soluções para se alimentar, se nós temos que encerrar e assim ficarmos privados do nosso ganha-pão, nem os deputados são mais do que os restantes trabalhadores, nem é justo que haja um restaurante privilegiado”, acrescentou.

Para Tiago Carvalho, “o exemplo tem um efeito sanitário e devia vir de cima, por isso, se é pedido aos cidadãos que encontrem alternativas, o mesmo deviam os senhores deputados fazerem”.

Por outro lado, salientou, “se a restauração e os restaurantes são um foco de infeção ou transmissão da infeção, os próprios deputados colocam-se em risco ao frequentarem o local e podem passar a ser agentes de contaminação.

O grupo lembrou que “desde o início da pandemia a restauração tem sido uma área particularmente afetada e que estão em causa milhares de postos de trabalho e situações sociais muito complicadas”.

Com esta ação, adiantou o representante, a União de Restaurantes do Minho, que agrega estes estabelecimentos “de todos” os concelhos do Minho, “quer sobretudo chamar a atenção para a particular situação de dificuldade da restauração e para uma injustiça”.

“Ou todos podem, ou não pode nenhum”, afirmou.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.159.155 mortos resultantes de mais de 100 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 11.305 pessoas dos 668.951 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Lusa

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

Advertisement

Últimas

Portugal1 hora ago

Profissionais de saúde do SNS aumentaram 7,1% desde início da pandemia

Mais de 147 mil profissionais de saúde trabalhavam em janeiro no Serviço Nacional de Saúde (SNS), mais 7,1% do que...

Portugal2 horas ago

Marcelo falou com Guterres e transmitiu-lhe “caloroso apoio” a novo mandato na ONU

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, falou hoje com António Guterres transmitindo-lhe “caloroso apoio” à sua candidatura a...

Portugal2 horas ago

Sete homens detidos e 100 kg de cocaína apreendidos em contentor

A Polícia Judiciária deteve sete homens e apreendeu 100 kg de cocaína num contentor que chegou recentemente a Portugal e...

Saúde2 horas ago

Um milhão de vacinas de Portugal deverá chegar aos países lusófonos no segundo semestre

Portugal vai destinar um milhão de vacinas contra a covid-19 aos PALOP e a Timor-Leste que deverão começar a chegar...

Sociedade3 horas ago

PSD questiona Governo sobre destruição de mina romana em Vila Velha de Ródão

O PSD quer saber as medidas que o Governo vai tomar para reparar os danos causados numa antiga mina de...

Alentejo3 horas ago

Vacinação com 3.546 doses arranca em quase todo o distrito de Beja

A vacinação contra a covid-19 arrancou hoje em 11 sedes de concelho do distrito de Beja, estando disponíveis, para já,...

Saúde4 horas ago

Portugal com 50 mortes e 1.480 casos de infeção nas últimas 24 horas

Portugal registou hoje 50 mortes relacionadas com a covid-19, o número mais baixo desde 06 de novembro de 2020, e...

Sociedade4 horas ago

Observatório vai monitorizar a Estrada Nacional 2 que atravessa o país

A Estrada Nacional 2 (EN2), que atravessa o país, vai dispor de um observatório para monitorizar, avaliar impactos e apoiar...

Sociedade4 horas ago

Desempenho da Internet móvel na região Centro é pior nas áreas rurais

Os serviços de navegação na Internet móvel na região Centro registam “piores desempenhos nas áreas predominantemente rurais”, o mesmo acontecendo...

Saúde4 horas ago

Diretor de Patologia do Médio Tejo alerta para importância da identificação das variantes

O diretor do Serviço de Patologia do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) defendeu hoje uma atualização do plano de...

Sociedade5 horas ago

Famalicão vai ter rede municipal de trilhos de natureza com 62,3 kms

O concelho de Vila Nova de Famalicão vai dispor de uma rede municipal de trilhos da natureza com 62,3 quilómetros,...

Sociedade5 horas ago

IHRU reabilita a partir de março bairro social de Ponte de Lima por 700 mil euros

O presidente da Câmara de Ponte de Lima informou hoje que o Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU)...

+ popular

%d bloggers like this: