Connect with us

Economia

António Costa e Silva defende que aposta nas qualificações deve abranger ensino superior

O gestor António Costa e Silva defendeu hoje que a aposta nas qualificações incluída no Plano de Recuperação e Resiliência deve abranger as instituições do ensino superior, considerando que só será possível “criar talento” se as infraestruturas forem modernizadas.

O professor universitário e gestor da petrolífera Partex, que o primeiro-ministro, António Costa, escolheu para preparar um programa de recuperação económica e social do país até 2030, afirmou que a aposta nas qualificações tem de passar também “pelo ensino superior”.

“Nós só vamos fazer a diferença se continuarmos a criar talento como as nossas universidades têm feito, se modernizarmos as infraestruturas tecnológicas das universidades e todo o sistema de ensino superior”, afirmou.

António Costa e Silva, que participava hoje no ‘webinar’ organizado pelo Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas (CRUP) para debater o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), defendeu também que se o país não fizer “as escolhas certas” não vai chegar “à terra prometida”.

Para o gestor, as escolhas certas passam pela aposta num modelo de inovação tecnológica, dar mais vitalidade ao sistema científico e tecnológico, apostar na investigação fundamental e nas áreas mais relevantes da ciência.

A par disso, António Costa e Silva defendeu também a necessidade de se criar as competências para que os centros de investigação, em conjunto com as empresas, sejam “capazes de impulsionar o país para o futuro”.

“Para daqui a 10 anos podermos dizer que o país entrou na terra prometida”, afirmou.

Também na sessão, Lino Fernandes, economista e antigo presidente da Associação Nacional de Inovação (ANI) destacou a necessidade de “haver mais investimento para a investigação fundamental para que a investigação aplicada funcione”.

Já Arlindo Oliveira, presidente do Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores (INESC) afirmou que a componente da escola digital e da transição digital inseridas no plano mereciam “uma revisão”, considerando-as “limitadas e pouco abrangentes”.

No ‘webinar’ Contributos do Ensino Superior para o PRR participou também a Comissária Europeia Elisa Ferreira e o ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor.

O PRR de Portugal, para aceder às verbas comunitárias pós-crise da covid-19, prevê 36 reformas e 77 investimentos nas áreas sociais, clima e digitalização, num total de 13,9 mil milhões de euros em subvenções.

Depois de um rascunho apresentado à Comissão Europeia em outubro passado e de um processo de conversações com Bruxelas, o Governo português colocou a versão preliminar e resumida do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) em consulta pública, até 01 de março, no qual estipula “19 componentes, que integram por sua vez 36 reformas e 77 investimentos”.

O executivo justifica que, “com base no diagnóstico de necessidades e dos desafios”, foram definidas três “dimensões estruturantes” de aposta – a da resiliência, da transição climática e da transição digital -, às quais serão alocados 13,9 mil milhões de euros em subvenções a fundo perdido das verbas europeias pós-crise.

No documento, estão também previstos 2,7 mil milhões de euros em empréstimos, mas fonte do executivo garante que “ainda não está assegurado” que Portugal irá recorrer a esta vertente do Mecanismo de Recuperação e Resiliência, o principal instrumento do novo Fundo de Recuperação da União Europeia.

Previsto está que a maior fatia (61%) das verbas do PRR se destine à área da resiliência, num total de 8,5 mil milhões de euros em subvenções e de 2,4 mil milhões de euros em empréstimos.

Lusa

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

Advertisement

Últimas

Portugal16 minutos ago

Comemorações do Dia internacional da Mulher até dia 20

A Câmara de Vendas Novas, no distrito de Évora, vai prolongar as comemorações do Dia Internacional da Mulher, que se...

Desporto2 horas ago

Portugal termina em segundo lugar no quadro de medalhas

Portugal, com três títulos nos Europeus de atletismo de pista coberta de Torun, na Polónia, fecha a edição com um...

Cultura3 horas ago

Representante de Portugal é hoje escolhido na final do Festival da Canção

O representante de Portugal no Festival Eurovisão da Canção, que decorre em maio nos Países Baixos, é hoje escolhido entre...

Sociedade5 horas ago

GNR tem 33 mulheres em funções de comando

A Guarda Nacional Republicana (GNR) destacou hoje o papel que as mulheres têm vindo a assumir na estrutura da Guarda,...

Política5 horas ago

Marcelo afirma que quis passar “das palavras aos atos” com mais mulheres na sua equipa

O Presidente da República considerou hoje que os passos dados para salvaguardar a igualdade de género em Portugal não são...

Educação5 horas ago

Ensino privado quer também testes rápidos como no público

A AEEP – Associação de Estabelecimentos de Ensino Particular e Cooperativo pediu hoje uma clarificação do Governo sobre testes rápidos...

Sociedade5 horas ago

Mulheres ultrapassaram os homens nas profissões de medicina, magistratura e advocacia

As mulheres ultrapassaram os homens em profissões que eram sobretudo masculinas, como médico, magistrado ou advogado, em 30 anos, revelam...

Portugal6 horas ago

Fevereiro foi o 5.º mais quente desde 1931 em Portugal continental

O mês de fevereiro foi o 5.º mais quente desde 1931 e muito chuvoso, levando à inexistência de situação de...

Portugal7 horas ago

Cerca de 700 condecorações, 23 vetos e 17 visitas de Estado em cinco anos

Marcelo Rebelo de Sousa, que termina na terça-feira o seu primeiro mandato como Presidente da República, atribuiu nesses cinco anos...

Portugal16 horas ago

5G: Tecnologia pode ser aplicada a tudo: da saúde à arte e até ao Espaço

Um “estímulo à investigação”, o 5G permite criar aplicações para tudo, da saúde ao automóvel, passando pela indústria, até pela...

Portugal16 horas ago

Covid-19: Governo aprova 19,8 milhões para testes rápidos nas escolas e no setor social

O Conselho de Ministros aprovou hoje uma resolução que permite às escolas e ao setor solidário efetuar despesa na realização...

Portugal17 horas ago

Jovem encontrado morto em casa na Figueira da Foz

Um jovem foi encontrado morto em casa esta madrugada em Vila Verde, no concelho da Figueira da Foz, no distrito...

+ popular

%d bloggers like this: