Connect with us

Política

RUI RIO DEFENDE DE QUE O DEBATE DO PROGRAMA DO GOVERNO NÃO PODE SER “FAZ DE CONTA”

O inicio do debate do Programa do Governo está agendado para a próxima quarta-feira. Rui Rio considera que o prazo de dois dias úteis é insuficiente e que os deputados precisam de um “tempo mínimo” para poderem estudar o programa do novo Governo.

“Isso de o debate ser na próxima quarta é uma coisa… Por que não no domingo à tarde? Aí é que ninguém tinha tempo para nada. É suposto os 230 deputados lerem o programa, estudarem-no minimamente e debaterem-no. Ou é suposto fazer ali um número no parlamento para parecer que todos estão a debater um programa que mal leram, porque foi a mata-cavalos?”, questionou o líder do PSD.

Rui Rio considera que o debate das principais orientações políticas e medidas da governação não pode ser um exercício de “faz de conta” para “enganar os portugueses”. “Os portugueses depois olham para a Assembleia da República e dizem assim: ‘olha os deputados a debaterem o programa do Governo, não estão a ler nada, porque nem sequer tiveram tempo para ler, estão a dizer umas coisas’”, acrescentou.

Sobre a eleição do presidente do grupo parlamentar do PSD, Rui Rio referiu que a eleição dependerá do que que for decidido na conferência de líderes bem como da discussão do programa do Governo, sendo que a única obrigação é o envio da convocatória da eleição com 8 dias de antecedência do próprio ato.

Canal Alentejo

GRÁTIS
BAIXAR