Connect with us

Turismo

“Memórias da Rua das Lojas” em Santiago do Cacém

A Câmara Municipal de Santiago do Cacém inaugura, dia 7 de dezembro, pelas 15h00, no Largo 25 de Abril, em Santiago do Cacém, a exposição “De São Sebastião às Portelas – Memórias da Rua das Lojas”, que estará patente até dia 7 de janeiro. É um convite para um passeio pela memória e a história desta rua da Cidade. Pelo Largo 25 de Abril, pela Rua General Humberto Delgado e pela Rua dos Combatentes da Grande Guerra, em Santiago do Cacém, estarão expostas imagens que guardaram para sempre o quotidiano do comércio tradicional e de quem ali habitou. Com esta exposição pretende-se recuperar a memória desta importante via comercial, através da apresentação de algumas alterações urbanísticas e do comércio que ali existiu.

A história desta rua confunde-se com o desenvolvimento do comércio local, para cujo fortalecimento e valorização esta exposição também quer contribuir. Recorde-se que, no século XIX, a rua recebeu os primeiros cafés, que ofereciam à vila um certo charme cosmopolita, e uma diversidade imensa de lojas como a alfaiataria, a ourivesaria-relojoaria, o albardeiro-correeiro, as mercearias e as retrosarias, entre muitas outras. Em meados do século XX, estas ruas fervilhavam de atividade, com várias lojas abertas ao público, promovendo a animação diária desta zona. Porém, o desenvolvimento urbano criado a partir do 1.º plano geral de urbanização iria dispersar o comércio pelos novos arruamentos, mais largos e populares.

Para recriar o ambiente que se vivia nesta rua na primeira metade do século XX está previsto um programa de animação. Pelas 15 h, decorrerá a inauguração oficial da exposição (Largo 25 Abril, frente à Caixa Agrícola), seguida da atuação da banda da Sociedade Recreativa Filarmónica União Artística (SRFUA). Durante a tarde, as ruas serão animadas por Cante Alentejano com João Costa e Pedro Rosa, atuação de Rui Matos, da Escola da SFRUA e de Salema e Marcelo.

Pelas ruas vão espalhar-se bancas a vender pão, alcomonias, pinhoadas, mel e enchidas, flores, fruta, latoaria, objetos de cabedal e cortiça, bonecos com trajes típicos do Alentejo Litoral, bolachas, vidros e barros pintados. Aos visitantes serão oferecidos postais pelo Arquivo Municipal, e as lojas estarão abertas durante a tarde. Carros antigos, castanha assada, e muito mais, animam esta festa da antiga Rua das Lojas.