Connect with us

Agricultura

Jovens agricultores alertam para dificuldades e pedem reabertura de mercados

A Associação de Jovens Agricultores de Portugal alertou para as dificuldades que o setor enfrenta, perante a covid-19, nomeadamente, no escoamento, preços e transporte, pedindo a reabertura de mercados e a criação de apoios para as empresas fragilizadas. 

“Num ápice, as dificuldades estão a fazer-se sentir em alguns subsetores direta e indiretamente associados [à agricultura], nomeadamente com os assalariados, o fornecimento de fatores de produção (sementes, fertilizantes, pesticidas, rações e produtos veterinários), assistência técnica, restrições ao transporte de animais e, eventualmente, de outros produtos, preços e escoamento”, apontou, em comunicado, a Associação de Jovens Agricultores de Portugal (AJAP).

Os jovens agricultores sublinharam que, em momentos de crise, são os primeiros a não conseguir cumprir prazos de execução de projetos e dos pagamentos à Segurança Social, à banca ou ao Estado.

Por outro lado, vincaram que o encerramento dos mercados locais e a “diminuição drástica das vendas em cadeias curtas”, como restaurantes e lojas locais, deixam muitos agricultores em situação de “elevado desespero”.

Assim, a associação defende ser necessário pensar em medidas exclusivamente dedicadas aos agricultores “mais frágeis”, como reequacionar a abertura de mercados locais, apoiar as empresas mais debilitadas e determinar “um período de tempo com custos mais baixos” de eletricidade.

“Seria de fundamental relevância criar linhas de crédito direcionadas ao apoio ao investimento, extremamente bonificadas, com pelo menos um ano de carência e que podiam chegar a 10 anos como prazo de pagamento”, acrescentou.

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *