Connect with us

COVID-19

Arronches assegura locais de isolamento profilático

A Câmara Municipal de Arronches tem disponíveis várias infraestruturas no sentido de dar uma resposta adequada no caso de aparecer uma situação que obrigue ao isolamento de clientes das Instituições Particulares de Solidariedade Social.

Depois das medidas já aplicadas pelo Município de Arronches ao longo do último mês, a autarquia não dá tréguas no combate à pandemia de Covid-19, tendo anunciado já na manhã desta quinta-feira, dia 2 de abril, o prolongamento das mesmas, pelo menos, até dia 17 do mês em curso, não descurando adotar novas medidas sempre que se justificar, tendo em vista a segurança da população e sobretudo dos grupos de risco.

Nestes grupos de risco estão inseridos os clientes das Instituições Particulares de Solidariedade Social, casas que, apesar de terem os seus Planos de Contingência ativos, motivam grande preocupação, estando o Município focado em evitar qualquer foco de infeção nesses estabelecimentos.

Porém, antecipando qualquer situação que obrigue ao isolamento de um ou de vários clientes das IPSS’s ou que, em último caso, obrigue ao evacuamento das instalações, a Câmara Municipal tem já disponíveis vários espaços para dar resposta às referiras situações.

Assim, o Hotel Rural de Santo António e os edifícios multiusos de Esperança e Mosteiros estão destinados a acolher clientes das IPSS’s do concelho em caso de necessidade de isolamento ou evacuação das instalações. A Casa de Férias de Arronches, a Casa das Hortas de Baixo e a Casa do Marco encontram-se disponíveis para acolher eventuais suspeitos de Covid-19 que aguardem a realização de teste ou outras situações que obriguem a isolamento. O Pavilhão Gimnodesportivo Municipal destina-se a acolher meios de reforço exteriores ao concelho atribuídos pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, que venham a apoiar uma eventual operação no concelho. Por sua vez o refeitório do Agrupamento de Escolas de Arronches assegurará a alimentação dos operacionais que integram o eventual reforço de meios exteriores ao concelho numa operação de proteção civil. Finalmente, o Centro de Operações Integrado funcionará nas instalações da Câmara Municipal e integra todas as entidades envolvidas na coordenação de operações de proteção civil.

De realçar que a disponibilidade destas infraestruturas foi articulada com as Juntas de Freguesia do concelho, bem como com as instituições às quais estão cedidos os espaços.

Continue Reading
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *